Clínica Internacional de Campo de Ourique
Pub

Atenção

Tendo em conta a melhoria do site oficial do DRE, tenho de ponderar a continuação deste site no futuro. Vou tentar fazer rapidamente um post com os prós e contras da manutenção deste site de modo a dar aos utilizadores uma forma de expressarem a sua opinião sobre este assunto.

Como a adaptação do software para obter o texto dos documentos a partir do novo site do dre é trivial, já estamos neste momento a actualizar a base de dados.

Outros Sites

Visite os nossos laboratórios, onde desenvolvemos pequenas aplicações que podem ser úteis:


Simulador de Parlamento


Desvalorização da Moeda

Decreto Regulamentar 53/86, de 6 de Outubro

Partilhar:

Sumário

Adita um artigo 215.º-A e dá nova redacção ao artigo 215.º do Regulamento de Transportes em Automóveis, aprovado pelo Decreto n.º 37272, de 31 de Dezembro de 1948.

Texto do documento

Decreto Regulamentar 53/86

de 6 de Outubro

A circulação de veículos automóveis de mercadorias com excesso de carga relativamente aos limites autorizados, além de provocar grande desgaste das infra-estruturas rodoviárias e de aumentar de forma grave os riscos de acidente, constitui ainda fonte de perturbações no funcionamento do mercado de transportes.

Pelo presente diploma pretende-se contrariar aquela prática, alargando a esfera dos sujeitos responsáveis pelo indevido carregamento dos veículos, responsabilizando-se de forma directa o expedidor pela indicação precisa do peso de carga entregue ao transportador.

Assim, em caso de excesso de carga, além da punição aplicada ao transporte, nos termos já consagrados no artigo 215.º do Regulamento de Transportes em Automóveis, recairá ainda sobre o expedidor uma responsabilização por aquele excesso de carga.

Aproveita-se ainda para dar nova redacção ao corpo do artigo 215.º do Decreto 37272, de 31 de Dezembro de 1948, bem como ao seu § 3.º, actualizando, desta forma, o montante da multa e reduzindo ao mesmo tempo para 5% a tolerância de excesso de carga, a partir da qual o veículo ficará imobilizado até que a mercadoria em excesso seja descarregada, tendo em conta os graves riscos de circulação inerentes.

Assim:

Ao abrigo do disposto na base XI da Lei 2008, de 6 de Setembro de 1945, o Governo decreta, nos termos da alínea c) do artigo 202.º da Constituição, o seguinte:

Artigo 1.º Ao Regulamento de Transportes em Automóveis, aprovado pelo Decreto 37272, de 31 de Dezembro de 1948, é aditado um novo artigo com a seguinte redacção:

Art. 215.º-A. Quando ocorra excesso de carga e quando a carga declarada pelo expedidor na guia de transporte seja inferior à carga transportada, será aplicada a esse expedidor uma multa, expressa em escudos, resultante da aplicação da fórmula M = 3 x E em que E representa a diferença em quilogramas entre a carga transportada e a carga declarada na guia de transporte.

§ único. As multas previstas no artigo anterior e no corpo deste artigo acumulam-se materialmente quando coincidirem na mesma pessoa o transportador e o expedidor.

Art. 2.º O artigo 215.º do Regulamento de Transportes em Automóveis, aprovado pelo Decreto 37272, de 31 de Dezembro de 1948, com a redacção dada pelo artigo 2.º do Decreto-Lei 186/82, de 15 de Maio, passa a ter a seguinte redacção:

Art. 215.º O excesso de carga transportada em automóveis de mercadorias será punido com a multa, expressa em escudos, que resulta da aplicação da fórmula M = (E x (3N + 2))/N § 1.º ......................................................................

§ 2.º ......................................................................

§ 3.º Sempre que o excesso de carga transportada seja igual ou superior a 5% do peso bruto do veículo, este ficará imobilizado até que a carga em excesso seja descarregada.

§ 4.º ......................................................................

§ 5.º ......................................................................

§ 6.º ......................................................................

Eurico Silva Teixeira de Melo - João Maria Leitão de Oliveira Martins.

Promulgado em 9 de Setembro de 1986.

Publique-se.

O Presidente da República, MÁRIO SOARES.

Referendado em 12 de Setembro de 1986.

O Primeiro-Ministro, Aníbal António Cavaco Silva.

Anexos

  • Texto integral do documento: https://dre.tretas.org/pdfs/1986/10/06/plain-2437.pdf ;
  • Extracto do Diário da República original: https://dre.tretas.org/dre/2437.dre.pdf .

Ligações deste documento

Este documento liga aos seguintes documentos (apenas ligações para documentos da Serie I do DR):

  • Tem documento Em vigor 1945-09-07 - Lei 2008 - Presidência da República - Secretaria

    AUTORIZA O GOVERNO A ESTABELECER O PLANO DE SUBSTITUIÇÃO DE TODAS AS CONCESSOES DE LINHAS FÉRREAS DE VIA LARGA E ESTREITA POR UNICA, QUE ABRANGERA AS LINHAS DO ESTADO A CONCESSAO SERA FEITA A EMPRESA QUE RESULTAR DA FUSÃO DAS ACTUAIS, POR ACORDO ENTRE ELAS. NA FUSÃO DAS EMPRESAS E NO CONTRATO DE CONCESSAO UNICA SERAO SEMPRE LEVADAS EM CONTA E ASSEGURADOS OS DIREITOS, EXPECTATIVAS E VALORES PATRIMONIAIS DO ESTADO.

  • Tem documento Em vigor 1948-12-31 - Decreto 37272 - Ministério das Comunicações - Gabinete do Ministro

    Promulga o regulamento de Transportes em Automóveis.

  • Tem documento Em vigor 1982-05-15 - Decreto-Lei 186/82 - Ministério da Habitação, Obras Públicas e Transportes

    Eleva os quantitativos de multas previstas em legislação sobre trânsito e transportes.

Ligações para este documento

Este documento é referido nos seguintes documentos (apenas ligações a partir de documentos da Série I do DR):

  • Tem documento Em vigor 1990-04-03 - Decreto-Lei 110/90 - Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações

    Estabelece o regime jurídico de imobilização de veículos.

  • Tem documento Em vigor 1990-11-24 - Decreto-Lei 366/90 - Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações

    Estabelece o regime jurídico da actividade de transporte ocasional de mercadorias.

Aviso

NOTA IMPORTANTE - a consulta deste documento não substitui a leitura do Diário da República correspondente. Não nos responsabilizamos por quaisquer incorrecções produzidas na transcrição do original para este formato.

O URL desta página é:

Clínica Internacional de Campo de Ourique
Pub

Atenção

Tendo em conta a melhoria do site oficial do DRE, tenho de ponderar a continuação deste site no futuro. Vou tentar fazer rapidamente um post com os prós e contras da manutenção deste site de modo a dar aos utilizadores uma forma de expressarem a sua opinião sobre este assunto.

Como a adaptação do software para obter o texto dos documentos a partir do novo site do dre é trivial, já estamos neste momento a actualizar a base de dados.

Outros Sites

Visite os nossos laboratórios, onde desenvolvemos pequenas aplicações que podem ser úteis:


Simulador de Parlamento


Desvalorização da Moeda