Clínica Internacional de Campo de Ourique
Pub

Outros Sites

Visite os nossos laboratórios, onde desenvolvemos pequenas aplicações que podem ser úteis:


Simulador de Parlamento


Desvalorização da Moeda

Aviso 11622/2017, de 2 de Outubro

Partilhar:

Sumário

Concurso interno de ingresso para ocupação de um posto de trabalho na categoria de investigador auxiliar na área científica da alimentação e nutrição, área afim segurança alimentar das embalagens, da carreira de investigação científica, previsto e não ocupado no Departamento de Alimentação e Nutrição, do mapa de pessoal do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, I. P. (INSA)

Texto do documento

Aviso 11622/2017

Concurso interno de ingresso para ocupação de um posto de trabalho na categoria de investigador auxiliar na área científica da alimentação e nutrição, área afim segurança alimentar das embalagens, da carreira de investigação científica, previsto e não ocupado no Departamento de Alimentação e Nutrição, do mapa de pessoal do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, I. P. (INSA)

1 - Na sequência da publicação do Despacho 14975/2016, no Diário da República, 2.ª série n.º 236, de 12 de dezembro, e da declaração de retificação n.º 8/2017, no Diário da República, 2.ª série n.º 4, de 5 de janeiro, com a nomeação e composição do júri do presente procedimento, torna-se público que, por deliberação do Conselho Diretivo de 28 de setembro de 2016, se encontra aberto, pelo prazo de 30 dias úteis, a contar da data de publicação do presente Aviso no Diário da República, o concurso interno de ingresso para recrutamento de um doutorado para ocupação de um posto de trabalho na categoria de investigador auxiliar do mapa de pessoal do INSA, na área científica da alimentação e nutrição, área afim segurança alimentar das embalagens.

2 - Legislação aplicável - Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril, com as alterações introduzidas pela Lei 157/99, de 14 de setembro, conjugado com o Decreto-Lei 204/98, de 11 de julho, em consequência do seu regime de carreira não revista subsistente, por força da Lei 35/2014, de 20 de junho, conjugados com o artigo 48.º da Lei 82-B/2014, de 31 de dezembro prorrogado pelo artigo 19.º da Lei 42/2016, de 28 de dezembro e, ainda, conforme Despacho 14975/2016, no Diário da República, 2.ª série n.º 236, de 12 de dezembro, e da declaração de retificação n.º 8/2017, no Diário da República, 2.ª série n.º 4, de 5 de janeiro.

3 - Prazo de validade - o concurso destina-se, exclusivamente, ao preenchimento da vaga indicada, caducando com a respetiva ocupação do posto de trabalho.

4 - Conteúdo funcional - o conteúdo funcional correspondente à categoria de investigador auxiliar, constante dos n.os 1 e 4 do artigo 5.º do Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril.

5 - Local de trabalho - o local de trabalho situa-se em Lisboa, nas instalações da Sede do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, I. P., sitas na Avenida Padre Cruz em Lisboa.

6 - Vencimento e regalias sociais - o vencimento é o fixado para a categoria de investigador auxiliar, calculado nos termos do Anexo n.º 1 ao Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril, e demais legislação aplicável, sendo ainda aplicáveis as condições de trabalho e regalias vigentes para os trabalhadores da Administração Pública.

7 - Requisitos de admissão:

7.1 - Requisitos gerais - Os definidos no n.º 3 do artigo 16.º do Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril, conjugados com o artigo 17.º da Lei Geral do Trabalho em Funções Públicas (LTFP) aprovada pela Lei 35/2014, de 20 de junho.

7.2 - Requisitos específicos - nos termos definidos no n.º 1, alíneas a) e b) do artigo 10.º do Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril, conjugados com o artigo 30.º, n.os 4, 5 e 6 da LTFP, a este concurso podem apresentar-se candidatos detentores de um vínculo de emprego público previamente constituído, através da detenção de um contrato de trabalho em funções públicas por tempo indeterminado e titulares do grau de doutor na área científica do concurso.

7.3 - Requisitos preferenciais:

7.3.1 - Titulares do grau de doutor nas áreas de Ciências Farmacêuticas, Farmácia, Bioquímica, Química, ou Ciências da Nutrição.

7.3.2 - Possuírem publicações e comunicações na área científica do concurso:

7.3.2.1 - Livros com ISBN

7.3.2.2 - Capítulos de livros com ISBN

7.3.2.3 - Artigos em revistas internacionais com arbitragem científica

7.3.2.4 - Artigos em revistas nacionais com arbitragem científica

7.3.2.5 - Artigos em proceedings internacionais com arbitragem científica

7.3.2.6 - Artigos em proceedings nacionais com arbitragem científica

7.3.2.7 - Comunicações científicas orais internacionais

7.3.2.8 - Comunicações científicas orais nacionais

7.3.2.9 - Comunicações científicas em poster internacionais

7.3.2.10 - Comunicações científicas em poster nacionais

7.3.3 - Possuírem experiência comprovada em projetos de investigação na área científica do concurso:

7.3.3.1 - Coordenação de projetos de investigação aprovados em concurso competitivo

7.3.3.2 - Coordenação de tarefas em projetos de investigação aprovados em concurso competitivo

7.3.3.3 - Participação em projetos de investigação internacionais

7.3.3.4 - Participação em projetos de investigação nacionais

7.3.4 - Possuírem experiência comprovada na orientação científica e participação em júris:

7.3.4.1 - Orientação e coorientação de Teses de Doutoramento

7.3.4.2 - Orientação e coorientação de Dissertações de Mestrado

7.3.4.3 - Orientação e coorientação de estágios de Licenciatura

7.3.4.4 - Participação em Júris de provas para obtenção do Título de especialista ou Habilitação profissional

7.3.4.5 - Participação em Júris de Doutoramento ou de Mestrado

7.3.5 - Possuírem atividades de extensão científica:

7.3.5.1 - Membro de corpo editorial de revistas científicas

7.3.5.2 - Membro da Comissão organizadora ou científica de eventos científicos internacionais

7.3.5.3 - Membro da Comissão organizadora ou científica de eventos científicos nacionais

7.3.6 - Possuírem prémios ou menções honrosas:

7.3.6.1 - Prémios ou menções honrosas de mérito

7.3.6.2 - Prémios ou menções honrosas em reuniões científicas internacionais

7.3.6.3 - Prémios ou menções honrosas em reuniões científicas nacionais

8 - Método de seleção - tratando-se de concurso documental, o método de seleção a utilizar é a "avaliação curricular", que, nos termos do n.º 2 do artigo 10.º do Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril, consiste na apreciação do curriculum vitae e da obra científica dos candidatos.

8.1 - Os critérios de apreciação e ponderação a utilizar e respetivas fórmulas de classificação constam das atas de reunião do júri, sendo as mesmas facultadas sempre que solicitadas.

8.2 - O sistema de classificação final dos candidatos é o estabelecido no artigo 27.º do Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril, na nova redação dada pela Lei 157/99, de 14 de setembro.

8.3 - Não será realizada uma entrevista, sendo, no entanto, efetuada se necessária a obtenção de esclarecimentos ou explicitação de elementos constantes dos currículos, mas, em qualquer caso, nomeadamente de empate, não constitui um método de seleção e não é classificada.

9 - Formalização das candidaturas;

9.1 - As candidaturas deverão ser formalizadas através do preenchimento do formulário de candidatura obrigatório, disponível na página eletrónica do INSA, IP em www.insa.pt no separador "Institucional - instrumentos de gestão - recrutamento - procedimentos concursais"

9.2 - As candidaturas podem ser entregues:

9.2.1 - Através de envio por correio registado e com aviso de receção, até ao termo do prazo fixado, situação em que se atenderá à data do respetivo registo, endereçado à Direção de Gestão de Recursos Humanos, do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, IP, sito na Avenida Padre Cruz, 1649-016 Lisboa, com indicação exterior de "Procedimento concursal - Aviso n.º ..., de...";

9.2.2 - Entregues pessoalmente no Serviço de Expediente, na morada indicada no ponto anterior, com indicação exterior de "Procedimento concursal - Aviso n.º ..., de...", no período compreendido entre as 9H30M e as 16H30M.

9.3 - O requerimento de candidatura a concurso deverá ser acompanhado dos seguintes documentos:

9.3.1 - Documento comprovativo dos requisitos específicos referidos na alínea a) ou b) do n.º 1 do artigo 10.º do Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril.

9.3.2 - Documento comprovativo da detenção de um vínculo de emprego público por tempo indeterminado previamente constituído.

9.3.3 - Curriculum vitæ do candidato, redigido em português ou em inglês, um exemplar em papel e um em formato digital, com indicação da experiência profissional adquirida, das obras e dos trabalhos efetuados e publicados, bem como das atividades científicas desenvolvidas e correspondentes períodos, elaborado de acordo com os itens especificados nos requisitos preferenciais (ponto 7.3.).

9.3.4 - Seleção da obra científica do candidato em suporte digital e em papel.

9.4 - Serão excluídos os candidatos que formalizem incorretamente a sua candidatura ou que não comprovem os requisitos legalmente exigidos no presente concurso.

10 - Assiste ao júri a faculdade de exigir a qualquer candidato, em caso de dúvida, a apresentação de documentos comprovativos das suas declarações.

11 - As falsas declarações prestadas pelos candidatos serão punidas nos termos da lei.

12 - A lista de candidatos admitidos bem como a lista de classificação final serão afixadas nas instalações do INSA, no placard junto à Direção de Gestão de Recursos Humanos, sitas na Sede. Os candidatos serão ainda notificados em conformidade com o disposto nos artigos 26.º e 27.º do Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril com as alterações introduzidas pela Lei 157/99 de 14 de setembro.

13 - O provimento do lugar será feito de acordo com o estabelecido no n.º 2 do artigo 38.º do Decreto-Lei 124/99, de 20 de abril.

14 - Em conformidade com o despacho publicado no Diário da República, 2.ª série, n.º 236, de 12 de dezembro de 2016, o júri do concurso tem a seguinte composição:

Presidente - Professora Doutora Matilde da Luz dos Santos Duque da Fonseca e Castro, professora catedrática, Faculdade de Farmácia, Universidade de Lisboa;

Vogais:

Professora Doutora Olívia Maria de Castro Pinho, professora catedrática, Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação, Universidade do Porto;

Professora Doutora Margarida Maria Portela Correia dos Santos Romão, professora associada com agregação, Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa;

Professora Doutora Maria Filomena Gomes Ferreira Crujo Camões, professora associada com agregação (aposentada), Faculdade de Ciências, Universidade de Lisboa;

Professora Doutora Maria Leonor Martins Braz de Almeida Nunes, investigadora principal, Centro de Investigação Marinha e Ambiental - CIIMAR/CIMAR, Universidade do Porto;

Doutora Maria Manuela Marin Caniça, investigadora principal com habilitação, Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, I. P.;

Doutora Maria Helena Rodrigues Gonçalves Soares Costa, investigadora principal, Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, I. P.

8 de agosto de 2017. - O Presidente do Conselho Diretivo do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, I. P., Fernando de Almeida.

310714301

Anexos

  • Extracto do Diário da República original: https://dre.tretas.org/dre/3107208.dre.pdf .

Ligações deste documento

Este documento liga aos seguintes documentos (apenas ligações para documentos da Serie I do DR):

Aviso

NOTA IMPORTANTE - a consulta deste documento não substitui a leitura do Diário da República correspondente. Não nos responsabilizamos por quaisquer incorrecções produzidas na transcrição do original para este formato.

O URL desta página é:

Clínica Internacional de Campo de Ourique
Pub

Outros Sites

Visite os nossos laboratórios, onde desenvolvemos pequenas aplicações que podem ser úteis:


Simulador de Parlamento


Desvalorização da Moeda