Clínica Internacional de Campo de Ourique
Pub

Atenção

Tendo em conta a melhoria do site oficial do DRE, tenho de ponderar a continuação deste site no futuro. Vou tentar fazer rapidamente um post com os prós e contras da manutenção deste site de modo a dar aos utilizadores uma forma de expressarem a sua opinião sobre este assunto.

Como a adaptação do software para obter o texto dos documentos a partir do novo site do dre é trivial, já estamos neste momento a actualizar a base de dados.

Outros Sites

Visite os nossos laboratórios, onde desenvolvemos pequenas aplicações que podem ser úteis:


Simulador de Parlamento


Desvalorização da Moeda

Decreto-lei 245/84, de 19 de Julho

Partilhar:

Sumário

Cria no Ministério da Justiça, e na dependência directa do Ministro, o Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo como órgão permanente de apoio consultivo. Define as atribuições, competências, composição, funcionamento, recrutamento e regime de pessoal do referido gabinete. Aprova o quadro de pessoal do mesmo gabinete, publicando em anexo, e os requisitos do seu preenchimento.

Texto do documento

Decreto-Lei 245/84
de 19 de Julho
A certeza e a segurança do direito legislado constituem valores fundamentais do sistema jurídico.

Ora, no nosso país, a legislação tem vindo a tornar-se confusa e prolixa, dispersando-se por múltiplos diplomas, oriundos de diversos departamentos, o que dificulta a apreensão dos comandos jurídicos, com evidente prejuízo da eficácia global do ordenamento.

Aliás, Estados com sistemas jurídicos tão diversos como o Reino Unido e a República Federal da Alemanha, enfrentando problemas similares aos nossos, sentiram já a necessidade concreta de dar forma orgânica ao esforço de aperfeiçoamento da produção legislativa.

Dando um primeiro passo nesse sentido, através do presente decreto-lei é criado, no Ministério da Justiça, o Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo. Pretende-se com a sua institucionalização contribuir para a melhoria da qualidade técnica das leis, no âmbito da competência própria do Ministério da Justiça, e ainda colaborar, a solicitação dos ministros em cada caso competentes, na preparação de outros projectos de diplomas legais.

Nestes termos, o Governo, ao abrigo da alínea a) do n.º 1 do artigo 201.º da Constituição, decreta:

Artigo 1.º
(Criação e natureza)
É criado no Ministério da Justiça e na dependência directa do Ministro o Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo, como órgão permanente de apoio consultivo.

Artigo 2.º
(Atribuições e competências)
1 - O Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo prosseguirá, nos termos em que o Ministro da Justiça o determine, as seguintes actividades:

a) Estudo e elaboração de projectos de diplomas legais cuja matéria se insira na esfera de competência própria do Ministério da Justiça;

b) Colaboração na preparação de projectos de diplomas legais cuja matéria seja da competência de qualquer departamento governamental, por solicitação do respectivo ministro;

c) Elaboração de estudos gerais de política legislativa e do correspondente enquadramento administrativo;

d) Prestação de informação jurídico-formal sobre projectos de diplomas que, no âmbito da organização interna do Conselho de Ministros, circulem para recolha de sugestões.

2 - Compete ao Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo recolher e tratar informações sobre aplicações das leis e outros instrumentos normativos.

3 - As informações e pareceres elaborados pelo Gabinete não têm natureza vinculativa.

Artigo 3.º
(Composição e funcionamento)
1 - O Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo é coordenado por 1 director, equiparado, para todos os efeitos, a director-geral.

2 - Integra ainda o Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo um corpo de assessores.

3 - Os membros do Gabinete encontram-se hierarquicamente subordinados ao Ministro da Justiça, dependendo funcionalmente do respectivo director.

Artigo 4.º
(Recrutamento)
Os membros do Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo são recrutados, nos termos da lei geral, de entre:

a) Professores e assistentes universitários;
b) Magistrados judiciais e do ministério público;
c) Licenciados em Direito de reconhecido mérito e comprovada experiência.
Artigo 5.º
(Regime de pessoal)
1 - O provimento do pessoal nos lugares do quadro do Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo é feito por nomeação provisória ou em comissão de serviço, durante 1 ano.

2 - Findo o prazo referido no número anterior:
a) O funcionário será provido definitivamente, mediante despacho confirmativo do Ministro;

b) Será renovada a comissão de serviço, mediante despacho ministerial;
c) O funcionário regressará ao serviço de origem, se não for convertida a sua nomeação em definitiva ou se não for renovada a comissão de serviço.

3 - Poderá ser requisitado ou destacado pessoal para prestar serviço no Gabinete, nos termos da lei geral, desde que reúna os requisitos previstos no artigo 4.º

4 - Excepcionalmente, poderão ser celebrados contratos de prestação de serviço, nos termos da lei geral.

Artigo 6.º
(Quadro. Seu preenchimento)
1 - O Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo dispõe do quadro de pessoal anexo ao presente diploma.

2 - Apenas poderão ser providos definitivamente nesse quadro 3 assessores, que constituem o núcleo permanente do Gabinete.

3 - Os restantes 9 assessores do Gabinete exercerão os seus cargos em regime de comissão de serviço, constituindo o núcleo de composição variável.

Artigo 7.º
(Apoio administrativo)
O apoio administrativo ao Gabinete de Apoio Técnico-Legislativo será prestado pela Secretaria-Geral do Ministério da Justiça.

Artigo 8.º
(Encargos)
Na parte que exceda a dotação do Orçamento do Estado, os encargos com a execução deste decreto-lei serão suportados pelas verbas geridas pelo Gabinete de Gestão Financeira.

Visto e aprovado em Conselho de Ministros de 10 de Abril de 1984. - Mário Soares - Carlos Alberto da Mota Pinto - António de Almeida Santos - Rui Manuel Parente Chancerelle de Machete - Alípio Barrosa Pereira Dias.

Promulgado em 10 de Julho de 1984.
Publique-se.
O Presidente da República, ANTÓNIO RAMALHO EANES.
Referendado em 16 de Julho de 1984.
O Primeiro-Ministro, Mário Soares.

Quadro de pessoal
(ver documento original)

Anexos

  • Extracto do Diário da República original: https://dre.tretas.org/dre/2049.dre.pdf .

Ligações para este documento

Este documento é referido nos seguintes documentos (apenas ligações a partir de documentos da Série I do DR):

  • Tem documento Em vigor 1986-11-05 - Decreto-Lei 371/86 - Presidência do Conselho de Ministros

    Integra o Gabinete de Apoio Técnico Legislativo, criado pelo Decreto Lei 245/84, de 19 de Julho, na Presidência do Conselho de Ministros. Altera o Decreto Lei 497/85, de 17 de Dezembro (Lei Orgânica do Governo X).

  • Tem documento Em vigor 1987-02-13 - Decreto-Lei 73/87 - Presidência do Conselho de Ministros

    Dá nova denominação ao Gabinete de Apoio Técnico Legislativo, (integrado na Presidência do Conselho de Ministros pelo Decreto Lei 371/86, de 5 de Novembro), passando a designar-se Centro de Estudos Técnicos e Apoio Legislativo (CETAL). Aprova a lei orgânica do referido centro, definindo a sua natureza, atribuição, composição, funcionamento e regime de pessoal. Aprova o quadro de pessoal do Centro de Estudos Técnicos e Apoio Legislativo, publicado em anexo.

Aviso

NOTA IMPORTANTE - a consulta deste documento não substitui a leitura do Diário da República correspondente. Não nos responsabilizamos por quaisquer incorrecções produzidas na transcrição do original para este formato.

O URL desta página é:

Clínica Internacional de Campo de Ourique
Pub

Atenção

Tendo em conta a melhoria do site oficial do DRE, tenho de ponderar a continuação deste site no futuro. Vou tentar fazer rapidamente um post com os prós e contras da manutenção deste site de modo a dar aos utilizadores uma forma de expressarem a sua opinião sobre este assunto.

Como a adaptação do software para obter o texto dos documentos a partir do novo site do dre é trivial, já estamos neste momento a actualizar a base de dados.

Outros Sites

Visite os nossos laboratórios, onde desenvolvemos pequenas aplicações que podem ser úteis:


Simulador de Parlamento


Desvalorização da Moeda